Notícias
Clipping - Diário do Grande ABC - Luz no fim do túnel
Dos males, o menor. O ditado popular parece se encaixar perfeitamente na manchete de hoje deste Diário, que retrata a gravidez entre as adolescentes da região. Embora deixe claro que uma em cada dez mulheres que deram à luz no ano passado – foram 35.609 nascimentos no total – tinha idade entre 15 e 19 anos, de acordo com dados da Pesquisa de Registro Civil do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a notícia também registra a redução no índice em comparação a 2007 – eram 13,20% há dez anos, contra 9,95% em 2017.

Vale destacar que, entre as sete cidades, apenas Rio Grande da Serra não apresentou queda na proporção. E, mais uma vez, fica comprovado que as questões socioeconômicas estão diretamente ligadas ao fenômeno, uma vez que São Caetano teve a maior redução. Neste caso, ficam evidentes maior planejamento e cuidados com a natalidade, além da oferta de serviços de Saúde para as adolescentes e da realização de palestras nas escolas sobre sexualidade e planejamento familiar.

Facilitar o acesso a métodos contraceptivos pelo SUS (Sistema Único de Saúde) é apontado por especialistas como fundamental para evitar a situação. Ao mesmo tempo, afirmam não ser mais possível atribuir a gravidez na adolescência à falta de informação.

Adotar ações semelhantes às utilizadas pelo Ministério da Saúde no combate ao fumo, com ilustrações e fotos, são outras alternativas sugeridas por professor da Faculdade de Medicina do ABC para diminuir o número de partos entre mulheres de 15 a 19 anos.

É notório o longo caminho a ser percorrido pelas autoridades e pela comunidade para reduzir os casos. Mas também pode-se comemorar a queda nos índices nos últimos dez anos, tendo em vista que, no Brasil, 16% dos bebês nasceram de mães adolescentes no ano passado. Um sinal de que há luz no fim do túnel.

Fonte: Diário do Grande ABC


NOTA DE RESPONSABILIDADE:
As notícias aqui veiculadas visam unicamente transmitir informações oriundas das fontes indicadas. A Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Rio Grande do Sul (ARPEN-RS) se exime e não assume qualquer responsabilidade pelo teor do conteúdo publicado, posto que as publicações explanadas não representam necessariamente o posicionamento da diretoria desta Associação. Os assuntos ora veiculados, são de responsabilidade única e exclusiva de quem os subscrevem.
Espaço do Associado
Entrar


ARPEN-RS - Rua Cel. Genuíno, 421 - Sala 302 - 3º andar - Centro Histórico - 90010-350 - Porto Alegre - RS - Telefone e Fax: (51) 3225-6428 - arpenrs@arpenrs.com.br