Notícias
Clipping – Diário do Litoral (SP) - Santos recebe prêmio por qualidade em estatísticas vitais
Esta é a segunda edição do prêmio estadual e, pela primeira vez, a cidade foi contemplada


O registro correto das estatísticas vitais (nascimentos e óbitos) pelas cidades brasileiras ajuda a definir as políticas públicas no setor de Saúde, como a necessidade de uma nova maternidade numa região ou maior investimento em alguma área de assistência, de acordo com as ocorrências de partos e principais causas de morte. Santos tem ajudado neste trabalho de levantamento de dados e foi um dos 130 municípios paulistas premiados nesta terça (31) pelo governo estadual na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).

A Secretaria Municipal de Saúde atingiu todos os critérios e metas estabelecidas na Premiação SIM e Sinasc de 2018, da Secretaria de Estado da Saúde. Entre eles estão a pontualidade e o preenchimento adequado na alimentação das informações. O prêmio estabelece ao Município o certificado de Qualidade do Sistema de Informação de Mortalidade (SIM) e do Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos (Sinasc) e é referente aos bancos de dados vitais no período 2015-2016.

Esta é a segunda edição do prêmio estadual e, pela primeira vez, Santos foi contemplado. O Município integra os 14 premiados entre os que têm mais de 500 declarações de nascimentos/ano e os 18 com registro de 500 óbitos ou mais por ano. Um total de doze servidores municipais de Santos atuam na alimentação de estatísticas vitais nas seções de Vigilância Epidemiológica e de Vigilância à Mortalidade Materno Infantil.

Os bancos SIM/Sinasc são sistemas informatizados do Ministério da Saúde que descentralizam dos municípios o processo de coleta, processamento e consolidação de dados quantitativos e qualitativos dos óbitos e nascimentos em todo território nacional. Os documentos básicos que alimentam o SIM e o Sinasc são, respectivamente, as declarações de óbito e de nascido vivo.

"Esta ferramenta de gestão ajuda na formulação de indicadores e nas tomadas de decisão em diversas áreas da Saúde. A equipe santista tem feito um importante trabalho e contribuído, assim, para o aprimoramento dos serviços e políticas públicas no nosso Estado e País", ressalta o secretário municipal de Saúde, Fábio Ferraz.


Fonte: Diário do Litoral (SP)
NOTA DE RESPONSABILIDADE:
As notícias aqui veiculadas visam unicamente transmitir informações oriundas das fontes indicadas. A Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Rio Grande do Sul (ARPEN-RS) se exime e não assume qualquer responsabilidade pelo teor do conteúdo publicado, posto que as publicações explanadas não representam necessariamente o posicionamento da diretoria desta Associação. Os assuntos ora veiculados, são de responsabilidade única e exclusiva de quem os subscrevem.
Espaço do Associado
Entrar


ARPEN-RS - Rua Cel. Genuíno, 421 - Sala 302 - 3º andar - Centro Histórico - 90010-350 - Porto Alegre - RS - Telefone e Fax: (51) 3225-6428 - arpenrs@arpenrs.com.br